Redes Sociais

Header Ads

Aprovado congelamento de salários do setor público; saúde e segurança ficam de for

 Os senadores Weverton (no telão) e Davi na sessão remota.  —  Foto/Reprodução Edilson Rodrigues/Agência Senado.


Aprovado congelamento de salários do setor público; saúde e segurança ficam de fora 
Fonte: Agência Senado —  Publicado no CN - Conexão Notícia em 03.maio.2020.

A aprovação do congelamento de salários dos servidores públicos municipais, estaduais e federais e dos membros dos três Poderes até dezembro de 2021 foi um dos pontos mais discutidos entre os senadores, neste sábado (2), na votação do substitutivo aos Projetos de Lei Complementar (PLPs) 149/2019 e 39/2020. O texto estabelece a compensação a estados e municípios pela perda de arrecadação provocada pela pandemia de coronavírus.

A suspensão do reajuste de salários por 18 meses foi negociada com o governo pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre, relator da matéria, como contrapartida ao auxílio financeiro da União aos estados, ao Distrito Federal e aos municípios para mitigar os efeitos da covid-19. Davi atuou para garantir os recursos sem a necessidade de corte salarial em 25%, que era a proposta inicial do Executivo. Foram excluídos do congelamento os servidores da saúde, da segurança pública e das Forças Armadas. Leia esta matéria completa!

Veja também:
Médicos voluntários do Projeto Missão Covid atendem gratuitamente
Jovem com Covid-19 é detido ao sair para visitar Agente de Saúde
Painel de Monitoramento de Infecção dos ACS/ACE durante Pandemia 




Postar um comentário

0 Comentários