Redes Sociais

Header Ads

*Por falta de EPIs, Justiça suspende atividades dos Agentes Comunitários de Saúde

Falta de EPIs coloca a categoria em risco de vida.  —  Foto/Reprodução.

Por falta de EPIs, Justiça suspende atividades dos Agentes Comunitários de Saúde 
Fonte: Portal Canal da Cidade —  Publicado no JASB em 02.maio.2020.

O Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde do Paraná (SINCACS/PR) moveu uma ação contra a Prefeitura da Lapa na Justiça do Trabalho alegando falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para a classe. Esses equipamentos seriam máscaras, luvas e álcool em gel, utensílios essenciais para quem trabalha com o público em meio à pandemia de COVID-19.

Na ação o sindicato alegou que: “Não estão sendo fornecidos os equipamentos de proteção individual (EPIs) necessários à atuação segura desses profissionais, em meio à pandemia do denominado COVID-19. Diante do risco causado aos trabalhadores e à população, reivindica ordens de paralisação dos serviços até o fornecimento dos itens de segurança imprescindíveis à atuação profissional, de realização imediata de testes de confirmação em caso de suspeita de contração da doença por trabalhadores e de fornecimento de documentos e informações relacionados aos estoques de equipamentos de proteção disponíveis para uso”. gggggggggg


Publicado no Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil em 02/05/2020.


Postar um comentário

0 Comentários