Redes Sociais

Header Ads

Eduardo Pazuello toma posse como ministro da Saúde

Pazuello vem desenvolvendo diversas ações de enfrentamento à Covid-19 e trabalhando para o fortalecimento do SUS e das políticas públicas em saúde. —  Foto/Reprodução.

Eduardo Pazuello toma posse como ministro da Saúde
Publicado no Conexão Notícia em 18.set.2020.   

Agentes de Saúde Desde 16 de maio, Pazuello vem desenvolvendo diversas ações de enfrentamento à Covid-19 e trabalhando para o fortalecimento SUS.

Na quarta-feira (16), o general Eduardo Pazuello assumiu oficialmente o comando do Ministério da Saúde, durante cerimônia realizada no Palácio do Planalto, em Brasília. Desde 16 de maio, foram desenvolvidas diversas ações de enfrentamento à Covid-19 e trabalhando para o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS) e das políticas públicas em saúde – estratégias que vão continuar sendo desenvolvidas pela pasta.

Em seu discurso de posse, o ministro Pazuello destacou o empenho da Pasta em prestar o atendimento imediato à população: " O quanto mais cedo atendermos os pacientes, melhores são suas chances de recuperação. O tratamento precoce salva vidas. Por isso, temos falado dia após dia: não fique em casa esperando faltar o ar", disse. 

Pazuello lembrou que o País possui o maior índice de pacientes recuperados." Já alcançamos mais de três milhões e seiscentas mil pessoas recuperadas: um dos maiores quantitativos de pessoas recuperadas no mundo", lembrou. 

Confira algumas ações 
O Ministério da Saúde tem investido em ações, serviços e infraestrutura para o enfrentamento da pandemia do coronavírus. Até o momento foram destinados R$ 83,9 bilhões para os 26 estados e o Distrito Federal, sendo que desse total foram R$ 59,6 bilhões para serviços de rotina e manutenção dos serviços ofertados pelo SUS, e outros R$ 25,7 bilhões exclusivamente para ações no combate à Covid-19.

Foram habilitados, até agora, 13.382 leitos de UTI solicitados pelos estados e municípios para o tratamento exclusivo de pacientes da Covid-19, representando 100% dos pedidos atendidos. O investimento do Governo Federal é de R$ 1,9 bilhão. Além dos leitos de UTI, o Ministério da Saúde habilitou 698 leitos de suporte ventilatório exclusivos para Covid-19, com investimento de R$ 10 milhões. O Brasil também contou com o reforço de 10.857 ventiladores pulmonares, entregues em todo o país.

VEJA TAMBÉM:

Equipamentos de Proteção Individual
Para garantir a proteção dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente do enfrentamento à Covid-19, o Ministério da Saúde distribuiu 255,4 milhões de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), como máscaras, aventais, óculos, luvas, protetores faciais e álcool. Os itens foram entregues às secretarias estaduais de Saúde de todo o País.

Transparência 
Por meio da plataforma Localiza SUS, a população pode acompanhar a quantidade de EPI, medicamentos, ventiladores pulmonares distribuídos a cada estado. O painel on-line também o número de leitos habilitados em todo país, testes entregues e insumos disponibilizados, informando o cidadão sobre tudo o que foi comprado, doado e distribuído para o enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Casa Civil
Foto: Ascom Casa Civil





Médicos voluntários do Projeto Missão Covid atendem pessoas com suspeita da doença ou com dúvidas sobre o novo coronavírus. 



Postar um comentário

0 Comentários