Header Ads

Grave: igreja é atacada e incendiada criminalmente por questionar quarentena nos EUA

Segundo o jornal The News York Times, a denominação não concordou com a imposição de medidas radicais de quarentena.  —  Foto/Reprodução

Grave: igreja é atacada e incendiada criminalmente por questionar quarentena nos EUA 
Fonte: Gospel+, WILL R. FILHO   —  Publicado no  CN em 28.maio.2020. 

Gospel  - A imposição do isolamento social de forma mais radical tem causado diversos conflitos e dividido opiniões, não apenas no meio político, mas também na sociedade em geral, ao ponto de uma igreja ser atacada com fogo simplesmente por questionar uma medida de quarentena.

Se trata da Primeira Igreja Pentecostal de Holly Springs, localizada no Mississippi, Estados Unidos. O caso chama ainda mais atenção por se tratar de uma denominação residente em terras americanas, onde se pressupõe a garantia fundamental da liberdade de expressão e opinião.

Segundo informações do jornal The News York Times, a denominação não concordou com a imposição de medidas radicais de quarentena, incluindo o fechamento dos templos religiosos, e então resolveu entrar com uma ação na Justiça questionando o governo local.


Como resultado, a igreja foi atacada criminalmente por intolerantes que ainda fizeram questão de deixar um bilhete no local do incêndio, confirmando a intenção criminosa do ataque. “Aposto que vocês ficam em casa agora, hipócritas”, diz o texto encontrado pelo Corpo de Bombeiros ao chegar no local.

No local do incêndio também foi encontrado um símbolo com a letra “A”, associado geralmente a grupos de ateus. No entanto, Nick Fish, presidente da American Ateists, um grupo que usa o logotipo encontrado no local, negou que eles tivessem algum envolvimento no ataque criminoso.

Veja também:
Cristãos são presos e expulsos de comunidade durante culto no México
Morre pastor do Voz da Verdade, vítima da Covid-19 
Menino de 11 faz e vende pavê pra ajudar famílias sem emprego: Covid
Cristãos perseguidos usam recursos para ajudar famílias necessitadas no Irã
Cristãos chineses oram e cantam em rua de cidade do Reino Unido
+“Não acredito mais em Deus”, anuncia vocalista de famosa banda cristã 
Homem entra em pânico devido a Covid-19, ouve o Evangelho e se entrega a Cristo 
Dois dias com Russell Shedd: um marco em minha vida 
Quatro igrejas são multadas por traduzir a Bíblia no Tajiquistão 
Cantora gospel Fernanda Brum está com Covid-19: “Orem por mim”

“Estou enojado que alguém associe um símbolo de nossa comunidade a algo tão incompatível com nossos valores como ateus”, disse Fish em um comunicado.

O departamento jurídico da igreja, junto às autoridades locais, investigam os autores do crime, muito embora ainda não tenham localizado os suspeitos. Eles poderão ser processados por vários crimes, entre eles o de intolerância religiosa, vandalismo e até tentativa de homicídio.

“Espero que, com a ajuda do Senhor, possamos chegar ao fundo disso o mais rápido possível”, avisou o major Kelly McMillen, delegado do condado de Marshall.




Médicos voluntários do Projeto Missão Covid atendem pessoas com suspeita da doença ou com dúvidas sobre o novo coronavírus. 





Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.