Header Ads

Crivella afirma que, com cuidados, igrejas no Rio já podem retomar cultos

Prefeito Marcelo Crivella.  —  Foto/Reprodução

Crivella afirma que, com cuidados, igrejas no Rio já podem retomar cultos
Fonte: Gospel+, TIAGO CHAGAS    —  Publicado no  CN em 28.maio.2020. 

Brasil   - As igrejas da cidade do Rio de Janeiro receberam as diretrizes para retomada dos cultos presenciais com a publicação de um decreto assinado pelo prefeito Marcelo Crivella (Republicanos).

O decreto estabeleceu regras para o funcionamento de igrejas e templos religiosos durante pandemia do novo coronavírus e dentre as normas que devem ser respeitadas estão o uso de máscara e o distanciamento mínimo de dois metros entre os fiéis.

Conforme o portal R7, a prefeitura orienta que as pessoas do grupo de risco (idosos e/ou portadores de morbidades participem das celebrações através de transmissões online ou via rádio ou TV.


Crivella afirmou em entrevista que, da parte da prefeitura do Rio, em momento algum foi determinado o fechamento dos templos: “Embora a gente tenha dito em várias entrevistas, há agentes públicos, policiais militares, civis e até da prefeitura que, desconhecendo disso, quando viam uma igreja aberta, iam lá e mandavam fechar. Então, hoje fizemos um decreto que está regulamentando tudo isso para que não restem dúvidas. O presidente Bolsonaro, em um decreto federal, considerou as igrejas como atividades essenciais, como nós também consideramos, e assim elas precisam funcionar”.

Veja também:
Crivella afirma que, com cuidados, igrejas no Rio já podem retomar cultos
+ “Só Deus sabe o que passei”, diz Sikêra Jr. após se recuperar da Covid-19
Menino de 11 faz e vende pavê pra ajudar famílias sem emprego: Covid
Deputados bolsonaristas pedem impeachment de Moraes depois de operação 
EMOCIONANTE: Idosa desempregada acha R$ 1.140 e vai a pé devolver
Moro quer identificar os “autores” de uma suposta “rede de fake news e de ofensas...”
Roberto Jefferson, Luciano Hang, Douglas Garcia e Terça Livre são alvos da PF
PF cumpre mandados em inquérito sobre fake news 
+Globo, Folha e semelhantes decidiram não ir mais ao Alvorada 

Na oportunidade, o prefeito reiterou as recomendações para evitar o contágio pelo vírus disseminado a partir de Wuhan, na China: “O que a gente precisa pedir a eles é para evitar aglomerações, [reforçar] o uso da máscara, e as pessoas mais idosas e com comorbidades acompanharem o culto de casa”.


 


Médicos voluntários do Projeto Missão Covid atendem pessoas com suspeita da doença ou com dúvidas sobre o novo coronavírus. 





Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.