Redes Sociais

Header Ads

Agentes Comunitários de Saúde recebem tablets para atender a população

 A remuneração para o cargo Agente de Combate às Endemias é de R$ 1.526,63 e o de Agente Comunitário de Saúde R$ 1.470,00. —  Foto/Reprodução/Secom/PMS.  


Agentes Comunitários de Saúde recebem tablets para atender a população
Fonte: Jornal Z Norte. —  Publicado no  CN em 11.jun.2020.   

Agentes de Saúde —   A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Saúde (SES), iniciou na segunda-feira (08) a entrega de tablets aos agentes comunitários de saúde (ACS). A cidade adquiriu 226 dispositivos através de emenda parlamentar do vereador Péricles Régis. A primeira UBS (Unidade Básica de Saúde) a receber os aparelhos foi a do bairro de Aparecidinha.

O objetivo principal do uso dos tablets é informatizar o trabalho diário dos ACSs, otimizando o tempo das visitas domiciliares e, dessa forma, ganhar tempo e ampliar o número de visitações. Atualmente, esses profissionais efetuam o trabalho de forma manual, com preenchimento de fichas de papel. Após a visita os agentes ainda precisam digitar os dados em dois sistemas de informação. Com os tablets o retrabalho será evitado, pois somente será necessária a exportação dos dados de cada paciente visitado.

De acordo com a SES, os 165 agentes comunitários de Saúde, de 14 UBSs, receberão o equipamento. A previsão é a de que até setembro todos os agentes comunitários estejam usando o recurso tecnológico.

Cada unidade passará por uma semana de capacitação com a equipe de Divisão de Tecnologia de Informação da SES. O primeiro treinamento começou nesta segunda-feira (08) para os ACSs da UBS Aparecidinha. O tablet possui o aplicativo “ESF Móvel”, que atualiza cadastro dos cidadãos, registra a visita domiciliar, visualiza agendamentos das UBSs e vacinação, entre outros atendimentos.

VEJA TAMBÉM:
Prefeitura de Amambai realiza contratação temporária de agentes comunitários
+“Detetives da Covid”: Curitiba tem poucos agentes comunitários de saúde 
Prefeitura de Petrópolis  promove conscientização sobre covid-19 com agentes de saúde
Sem aventais, agentes de saúde usam sacos de lixo contra coronavírus em Dourados 
Agente de saúde da Ilha de Itamaracá testa positivo para coronavírus e vence a luta
Agente de endemias morre com Covid-19 em Salvador
MG Novos agentes de saúde (ACS/ACE) garante reforço da Atenção Primária
Francisco Beltrão: Agentes comunitários ganham tablets para trabalho nos bairros  Saúde
JASB - ALAGOAS: Nota de Repúdio dos Servidores Públicos Municipais de Rio Largo 

Para o secretário da Saúde, Ademir Watanabe, o recurso beneficiará as áreas atendidas pelas UBSs que possuem Estratégia Saúde da Família (ESF). “Será possível fortalecer a promoção da qualidade de vida da população de Sorocaba e intervir nos fatores que colocam a saúde em risco, como falta de atividade física, má alimentação e o uso de tabaco. Com atenção integral, equânime e contínua, a ESF se fortalece como uma porta de entrada do Sistema Único de Saúde”, ressalta.

Agentes de Saúde

Atualmente, Sorocaba possui 44 equipes de ESF que atuam nas UBSs dos bairros Nova Esperança; Vila Barão; Cerrado; Wanel Ville; Rodrigo; Parque São Bento; Vitória Régia; Paineiras; Ulisses Guimarães; Ana Paula Eleutério (Habiteto); Vila Sabiá; Aparecidinha, Cajuru e Brigadeiro Tobias.

O Agente Comunitário de Saúde é fundamental na composição das equipes da ESF, pois realiza o acolhimento e cadastro das famílias através de visitas domiciliares. São os olhos das equipes de saúde, para além do tratamento com medicamentos. O vínculo de confiança firmado entre as famílias e estes profissionais faz com que se concretize o maior objetivo da atenção básica: a promoção em saúde, ou seja, intervir para evitar doenças.




Médicos voluntários do Projeto Missão Covid atendem pessoas com suspeita da doença ou com dúvidas sobre o novo coronavírus. 





Postar um comentário

0 Comentários