Redes Sociais

Header Ads

Salvador: População tem até 30 de setembro para realizar recadastramento do SUS; mais de 1,7 milhão fez processo

Prazo foi prorrogado pela Secretaria Municipal de Saúde para suprir alta demanda. —  Foto/Reprodução.

Salvador: População tem até 30 de setembro para realizar recadastramento do SUS; mais de 1,7 milhão fez processo
Publicado no Conexão Notícia em 19.set.2020.   

Agentes de Saúde  Faltando duas semanas para encerrar o prazo, mais de 1,7 milhão de moradores da capital já realizaram o recadastramento obrigatório do cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). Desse total, cerca de 1 milhão de atualizações foram efetuadas através do site www.recadastramento.saude.salvador.ba.gov.br até a última quinta-feira (17). A ferramenta foi implantada pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS).

O prazo para realizar o procedimento termina no dia 30 de setembro. “Prorrogamos o período aliado com a implantação do site para suprir a alta procura da população em nossas unidades de saúde, visando que dar mais comodidade para as pessoas, que poderão fazer a atualização sem a necessidade de deslocamento, bem como evitar possíveis aglomerações. Estamos atentos todos os dias as demandas e realizando todas as manutenções nos sistemas para que tudo possa ser feito dentro do previsto”, explicou o titular da SMS, Leo Prates.

Além do site, o usuário poderá realizar o recadastramento de forma presencial em uma das 152 unidades básicas da rede municipal, com o agente comunitário de saúde. Os moradores da capital baiana deverão informar o RG ou certidão de nascimento, CPF ou cartão SUS e o comprovante de residência em nome do usuário ou de algum parente de primeiro grau.

VEJA TAMBÉM:

É possível também que uma pessoa da família realize o cadastro dos demais moradores, caso apresente toda documentação. A validação do cadastro será realizada após acesso à unidade de saúde. A medida segue determinação do governo federal, que instituiu um novo modelo de financiamento para a Atenção Primária, sendo o cadastramento a principal estratégia de transferência de recursos da União para as prefeituras.

Toda a população deve ser cadastrada, até mesmo as pessoas que possuem plano de saúde e aqueles usuários que não utilizam com frequência as unidades municipais. As pessoas que já possuem cadastro realizado pelo agente comunitário não precisam realizar novamente.

Redação PNotícias





Médicos voluntários do Projeto Missão Covid atendem pessoas com suspeita da doença ou com dúvidas sobre o novo coronavírus. 



Postar um comentário

0 Comentários