Redes Sociais

Header Ads

Amazonas tem em 24 horas mais de 3.870 mil recuperados da Covid-19, dizem FVS e Susam

 Amazonas teve, em 24 horas, mais de 3,8 mil recuperados da Covid-19, segundo a FVS e a Susam. —  Foto/Reprodução Alex Pazuello/Arquivo-Semcom.


Amazonas tem em 24 horas mais de 3.870 mil recuperados da Covid-19, dizem FVS e Susam
Fonte: Portal Marcos Santos —  Publicado no CN - Conexão Notícia em 08.maio.2020.

Em 24 horas, o Amazonas registrou que mais 3.873 pessoas estão recuperadas da Covid-19. Com isso, em um dia, o número de pacientes que deixaram a quarentena saltou de 2.286 para 6.159. Os dados são da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) e da Secretaria de Estado de Saúde (Susam). É a primeira vez que o número de recuperados por dia tem um aumento bastante expressivo. Se forem analisados os dados de dias anteriores, a média de recuperados não passa de 100 pessoas. O número de pessoas que saíram do período de transmissibilidade começou a aumentar ontem. Veja os dados de uma semana: 

Quarta-feira (6/5) – 189 recuperados 
Terça-feira (5/5) – 97 recuperados 
Segunda (4/5) – 99 recuperados 
Domingo (3/4) – 131 recuperados 
Sábado (2/4) – 62 recuperados 
Sexta (1/5) – 69 recuperados 
Quinta (30/4) – 152 recuperados 
quarta (29/4) – 31 recuperados 

Considerando que os infectados precisam de, no mínimo, 14 dias de quarentena, as 3.873 pessoas que obtiveram o status de recuperadas nesta quinta-feira, podem ter sido infectadas na mesma semana ou em dias muito próximos. Numa contagem regressiva dos dias, esses pacientes podem ter contraído o vírus na penúltima semana de abril.

Veja também:
Fortaleza inicia lockdown a partir desta 6ª feira 
Emenda garante: equipamentos de proteção e testagem aos agentes de saúde
Agentes Comunitários de Saúde recebem treinamento para uso de tablets
O Dia Internacional da Cruz Vermelha é celebrado em 8 de maio
75 anos depois: o dia que as tropas nazistas se renderam
Covid-19: Fiocruz alerta para urgência de medidas rígidas de isolamento social 
Auxílio Emergencial: pagamento da 2ª parcela será mais rápido, diz Caixa
STF decide que Covid-19 pode ser considerada doença ocupacional
Senado aprova por unanimidade ajuda a estados e municípios
Teich diz que fechamento total é medida recomendável em cidades em situação crítica
Brasil está entre os 10 países com mais curados da Covid-19 
ISTOÉ: Família descobre que idosa com Covid-19 está viva após abrir caixão
Covid: Curados que testaram positivo não se reinfectaram
Enfermeira que teve Covid-19 recebe homenagem de colegas de profissão

No entanto, também há pacientes que acabam ficando muito tempo internados, o que prolonga o período de isolamento e de recuperação. 

No boletim epidemiológico, a FVS explica quem são os chamados pacientes recuperados. Eles fazem parte de dois grupos: dos que cumprem isolamento familiar, por apresentarem sintomas mais leves, e dos que necessitam de internação. 

“Entende-se por casos recuperados, pacientes que tiveram confirmação diagnóstica e saíram do período de isolamento domiciliar, ou internação hospitalar”, diz a fundação, no boletim.

Horas depois da divulgação dos dados desta quinta, a FVS-AM explicou que houve mudanças na estatística, ou seja, na forma como os dados são obtidos. 

Veja aqui a explicação

Incubação e quarentena Ainda em março, a diretora-presidente da FVS-AM, Rosemary Costa Pinto, explicou como se dá o período de incubação da Covid-19. “Nós temos 14 dias que são críticos. A pessoa entra em contato com alguém que tem o vírus e se contamina. Ela vai entrar no que nós chamados de período de incubação, onde o vírus vai se multiplicar dentro dela, vai se alojar nas células nasofaringe, depois no pulmão e vai se multiplicar”, disse, em live, no dia 24 de maio. 

De acordo com a especialista, durante o período de incubação, a pessoa infectada não transmite o vírus. “A média desse período de incubação são sete dias”, informou. “Ela passa a transmitir o vírus a partir do momento em que ela apresenta os sintomas. Então, apresentou sintomas, durante sete dias, ela vai transmitir o vírus. Por isso que nós trabalhamos com período máximo de avaliação, de isolamento, de 14 dias”, completou. 

Na ocasião, Rosemary explicou que o período de 14 dias de isolamento é uma média, sendo que esse prazo pode ou não aumentar de caso para caso. “Sete dias seria o período de incubação e sete dias, o período de transmissibilidade. Após isso, essa pessoa não representa mais risco para ninguém”, explicou.

Casos de Covid-19 no Amazonas 

Conforme o boletim epidemiológico desta quinta-feira, o Amazonas registrou 856 novos casos nas últimas 24 horas, totalizando 10.099 casos confirmados do novo coronavírus. 

Nesta edição do boletim foram confirmados mais 55 óbitos pela doença, elevando para 806 o total de mortes, sendo 43 nas últimas 24 horas. *Matéria atualizada para acréscimo de link que explica a estatística usada pela FVS para calcular o número de recuperados no Amazonas.


Médicos voluntários do Projeto Missão Covid atendem pessoas com suspeita da doença ou com dúvidas sobre o novo coronavírus. 




Postar um comentário

0 Comentários