Header Ads

Recuperada do Covid-19 aos 113 anos, idosa diz que vai viver “até que Deus queira”

    Forte e corajosa, idosa de 113 anos revela-se uma pessoa bastante otimista. —  Foto/Reprodução/The Pigeon Express


Recuperada do Covid-19 aos 113 anos, idosa diz que vai viver “até que Deus queira”
Fonte: G. Mais, WILL R. FILHO. —  Publicado no  CN em 25.maio.2020.   

Coronavírus -  A contaminação com o novo coronavírus, ou Covid-19, como também é chamado o agente biológico, representa maior risco de gravidade e até de morte para a população idosa, acima dos 60 anos, e pessoas com alguma debilidade preexistente em saúde.

Entretanto, o número de idosos recuperados do Covi-19 é muito maior do que os afetados gravemente e que vieram a óbito pela doença. Um exemplo disso é a senhora Maria Branyas, uma idosa de incríveis 113 anos, residente na Espanha, Europa.


A idosa considerada a mulher mais velha da Espanha atualmente, e a mais velha a se curar do coronavírus, se recuperou totalmente do Covid-19, contrariando às perspectivas negativas do seu possível prognóstico.

Branyas agora acredita que a pandemia deverá produzir mudanças significativas na população mundial para o futuro, especialmente de caráter humanitário.

“Dada a minha idade, provavelmente não vou estar lá. Mas acredite, é necessário”, disse ela ao fazer um pedido por mais atenção nesse quesito, algo crucial no contexto atual de isolamento social em função da quarentena.

A idosa destacou a situação de muitas pessoas que vivem em uma condição de esquecimento, especialmente os idosos, após longos anos de dedicação para suas famílias. Para Branyas, a pandemia também tem servido para chamar atenção sobre isso.

“Essa pandemia revelou que os idosos são os esquecidos da nossa sociedade”, disse ela, segundo informações do The Guardian.“Eles lutaram a vida inteira, sacrificaram o tempo e os sonhos pela qualidade de vida de hoje. Eles não mereciam deixar o mundo dessa maneira”, reclamou a senhora.

A senhora Branyas atribuiu a sua cura do coronavírus a Deus, pois também acredita que só está viva por permissão do Senhor. Questionada sobre o que espera do futuro a partir de agora, ela foi bastante objetiva em sua resposta:

Veja também:
O Agente de Saúde e a pandemia: e agora, qual é o meu papel?
Agentes comunitários de saúde do Pradoso recebem bicicletas
CORONAVÍRUS: A grave ameaça às atividades dos agentes de saúde (ACS/ACE)
Agentes de saúde se articulam e consegue gratificação do recurso da Covid-19
No Brasil, quase 200 mil profissionais de saúde estão sob suspeita de contrair covid-19 
Profissionais da saúde incapacitados pela covid-19 podem vir a ser indenizados
Câmara aprova Benefício de R$ 50 mil aos Agentes de Saúde (ACS/ACE) 
Agente de saúde foi morto por causa de dívida de R$ 500 
Esquecidos: Agentes de Saúde são peças fundamentais no combate ao Coronavírus
COVARDIA: Agente de saúde é derrubada da moto, agredida e ameaçada 

O Prefeito Alaor Pessoa agradeceu a Governadora do Estado, Maria de Fátima Bezerra e acrescentou: “a administração organizou um esquema para a entrega das máscaras no intuito de evitar aglomerações e contribuir com as pessoas pertencentes ao grupo de risco, para que não necessitem sair de suas casas. É notório que a utilização das máscaras é uma das medidas mais eficazes contra o coronavírus, juntamente com os hábitos de higiene, como lavar bem as mãos.


A Gestão Municipal está em constante preocupação e trabalhando, através de diversas ações, para o combate do Covid-19 e solicita a colaboração de todos para que, se necessário sair à rua, façam o uso de máscara”, finalizou o prefeito Alaor Pessoa. 
As máscaras foram distribuídas na segunda-feira (18). 


A moradora de Itajá, Maria José Freire da Silva, aprovou a iniciativa. "Eu estava sem nenhuma máscara em casa. Estou muito satisfeita com a ação, pois a partir de agora posso me proteger do coronavírus. Parabéns ao prefeito por se preocupar em cuidar da população, principalmente as pessoas que não têm condições de comprar uma máscara para se prevenir", finalizou a moradora.



Médicos voluntários do Projeto Missão Covid atendem pessoas com suspeita da doença ou com dúvidas sobre o novo coronavírus. 





“Bem, eu vou viver”, disse ela. “Até que Deus queira.”

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.