Header Ads


Vídeo - Caio Coppolla e o primeiro impeachment de um ministro do Supremo

 Caio Coppolla e o ministro Alexandre de Moraes. —  Foto/Reprodução.

Vídeo - Caio Coppolla e o primeiro impeachment de um ministro do Supremo 
Publicado no Conexão Notícia em 17.mar.2021.  

Brasil |  Um milhão de assinaturas em 14 horas.

Sabe dizer se o livro dos recordes possui outro registro semelhante a esse?

O pedido de abaixo assinado a favor do impeachment do ministro Alexandre de Moraes pode ter sido o mais rápido do mundo em alcançar marca com tamanha expressão.

Em menos de 24 horas ultrapassou a marca de dois milhões de assinaturas.

E aí Senado?

Qual adjetivo cola em Caio Coppola?

Na minha modéstia simpatia seria: BRILHANTE. Nem ele imaginava irmão.

No vídeo que publicou pediu tão somente quinhentas mil assinaturas.

Imagino vendo agora o resultado, sendo bom baiano, com as mãos no queixo dizendo: ‘Caraca Véi’.

Imagino também o Ministro. Como se sente nesse instante?

Esse fenômeno social participativo é histórico e revela o nível da antipatia dos brasileiros em relação a ele. Se a ocupação do cargo para Ministro do Supremo fosse através do voto popular, hein? Já era.


Pela enquete do Kajuru é possível perceber, 94% dos votos entre 50 mil pessoas querem o impeachment.

Entende o que é isso? Se fosse eu, pediria para sair.

Caio Coppola, expôs tanto o Senado, quanto o Supremo.

Porque o Senado? Amigo, você tem ideia quantos pedidos de impeachment foram impetrados no Senado desde a gestão do Davi Alcolumbre até agora?

O cara, simplesmente ignorou um a um e com Rodrigo Pacheco, infelizmente, a coisa não tem sido diferente. Por quê?


Pedidos feitos, pedidos ignorados.

Por isso, Caio entornou o caldo.

Tirou a bola das mãos dos parlamentares que impetraram os pedidos e passou ao povo.

Assim, o Senado Federal não tem mais dúvida sobre quem realmente deseja o impeachment.

Caso o Senado não responda ao povo, como não respondeu aos muitos parlamentares, as urnas jamais esquecerão.

Os ministros do Supremo não precisam de voto para manutenção do cargo. Mas os senadores, precisam.

Repito: Caio, o Brilhante.

Porque o Supremo?

Concorda comigo que o Supremo Tribunal deveria ser orgulho para os brasileiros?

Deveria ser o centro da moralidade.

Entre os três poderes, deveria esbanjar esperança. Mas, não tem sido assim.

O Brasil se encontra decepcionado com sua Corte.

Digo mais: decepcionado e envergonhado.

A sensação de traição perfura o coração verde/amarelo. Tanto é que, o pedido de impeachment foi contra Alexandre, mas se fosse outro ministro, o resultado certamente não seria diferente.

Infelizmente o Brasil perdeu a confiança nos ministros.

E a coisa é lógica, o povo não descansar.

A política, por anos a fio, é vista pelo povo com desconfiança e não é surpresa que o Senado não receba o pedido de impeachment. Mas, tal sentimento em torno do Supremo é novo. Por isso, repito: o povo não vão descansar.

O desgaste dos brasileiros é tão profundo a ponto de ignorarem a pandemia.

Ou, você acha que a imensa maioria que lotou as ruas não sabem os riscos de transmissão da doença?

Eles sabem, o problema que também sabem a politicagem por trás da pandemia.

O povo enxerga o uso da máquina para derrubar os conservadores e o principal vilão é o poder “Autoritário/Xerife”, os ministros do Supremo. Por isso, tanto as manifestações, quanto o abaixo assinado bateram recordes.

O povo grita: Chega! Não dá mais.

É importante que as instituições funcionem em respostas a democracia e respeitem o desejo da sociedade. Sim, estamos em risco.

Hoje uma manifestação em meio a pandemia, em seguida, um abaixo assinado histórico.

O que esperar mais? Isso pode complicar a cada dia.

Os ministros não parecem dispostos a baixar o nariz da soberba.

Esperamos confiante que o Senado aceite o pedido de impeachment dessa vez, assinado direto pelo povo brasileiro e com detalhe peculiar, Caio Coppola pode ser o autor do primeiro impeachment de um Ministro do Supremo.

Falei, foi brilhante.

Link para o abaixo-assinado: https://bit.ly/30Q5qTW

Confira o vídeo:


Jornal da Cidade Online

Acompanhe as notícias do CN - Conexão Notícia no Facebook

Veja outras formas de doações, aqui!

Conteúdo relacionado:

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.