Redes Sociais

Header Ads

Câmara dos Deputados: Nova lei prioriza agentes comunitários e de combate às endemias como essenciais na realização de testes para Covid

Agentes comunitários de saúde e de agentes de combate às endemias são legalmente declarados como essenciais no combate à Covid-19—  Foto/Reprodução.

Câmara dos Deputados: Nova lei prioriza agentes comunitários e de combate às endemias como essenciais na realização de testes para Covid
Fonte: Agência Câmara de Notícias. —   Publicado no  CN em 11.jul.2020. 

Câmara dos Deputados Dezenas de categorias são consideradas essenciais pela lei, entre elas, médicos, policiais, assistentes sociais, cuidadores de pessoas com deficiência, dentistas, aeronautas e veterinários.

Operadores de aparelhos de tomografia e de ressonância também terão prioridade na testagem.

Foi sancionada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, a lei que prevê prioridade para fazer testes de diagnóstico da Covid-19...

ATENÇÃO!
Pedimos que leia a matéria na integra, acessando aqui!

Obs: Tivemos um problema de com a configuração desta página. Agradecemos a compreensão.


VEJA TAMBÉM:
Agente de saúde é atropelada por motociclista embriagado em barreira sanitária
Nota da CONACS sobre a Formação Técnica dos ACS's e ACE's de todo o Brasil
Efeito Cascata nos municípios: A aprovação do adicional de insalubridade em 40% 
MP prende ex-secretário de Saúde do Estado do Rio Edmar Santos
Governo Federal sanciona lei que prioriza teste para profissional essencial 
OMS alerta para impacto da pandemia em mulheres, jovens e crianças
Lei Federal reconhece Agentes de Saúde como essenciais no combate da Covid-19 
40% sobre o salário: Câmara aprova insalubridade para profissionais da linha de frente
MG: Número de profissionais do SUS infectados por Covid-19 sobe para 160 em BH
Ministério da Saúde adia o prazo para que o Agentes de Saúde cadastre a população 


Atenção! 
*Para nos informar casos de óbitos entre ACS/ACE, use esse formulário online, aqui!
*COVID-19: Monitoramento dos casos de infecção de ACS/ACE, acesse aqui!

Postar um comentário

0 Comentários