Header Ads


Prefeito de SP assina lei que torna igrejas serviços essenciais

    Postura do Prefeito de SP deixa claro que é possível respeitar a liberdade de culto das igrejas, as classificando como serviços essenciais.  —  Foto: Reprodução.

Prefeito de SP assina lei que torna igrejas serviços essenciais
Publicado no Conexão Notícia em 29.setembro.2021.  

Mundo Cristão A sanção do projeto 410/2020 foi publicada na edição de sábado (25) do Diário Oficial da Cidade.

Na última sexta-feira (24), o prefeito de São Paulo Ricardo Nunes (MDB) sancionou a lei que inclui as atividades religiosas na lista de serviços essenciais a qualquer tempo, inclusive durante pandemias, como a atual, da Covid-19.


A lei, de autoria do vereador Rinaldi Digilio (PSL), já tinha tido a PL sido aprovada em primeira votação em dezembro de 2020, mas só agora foi sancionada e publicada neste sábado (25) no Diário Oficial da Cidade.

De acordo com artigo 1º da lei "ficam reconhecidas como serviços essenciais às atividades realizadas pelas igrejas ou templos de qualquer culto, inclusive em situação de emergência, perigo iminente, de calamidade pública ou decorrente de epidemias ou pandemias".


Em março, as igrejas também foram reconhecidas com serviços essenciais, emdecreto assinado pelo governador João Doria (PSDB). A realização de reuniões religiosas já estão liberadas na fase vermelha do Plano SP de Combate à Covid, desde que instituição siga as regras sanitárias e de distanciamento social.


CPAD News/ Com informações Guiame e Estadão
CN - Conexão Notícia

O jornalismo do Conexão Notícia precisa de você para continuar marcando ponto na vida das pessoas. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado! Veja como doar aqui!

Confira os preços baixos de nossa loja, aqui!

Twitter classifica imagem de família orando como conteúdo sensível

   Família orando.  —  Foto: Reprodução/Twitter.

Imagem de família orando na mesa é classificado como conteúdo sensível enquanto mídias pornográficas abrem livremente.

O Twitter mandou um aviso para uma publicação de humor na conta @JoaquinTeixeira como um “conteúdo sensível”, depois que ele compartilhou uma imagem de uma família orando antes da refeição com a legenda “falta isso hoje”. Leia a matéria completa, aqui!


Filme chinês tem “Moisés” removido do título para evitar ofensa ao regime comunista

   A produção “Moisés na Planície” passou a ser chamada de “Fogo na Planície”.  —  Foto: Reprodução/Xinhua via AP.

A produção “Moisés na Planície” passou a ser chamada de “Fogo na Planície”, numa tentativa de eliminar o vocabulário cristão da esfera pública.

Um filme chinês com “Moisés” no título, com estreia marcada para dezembro, teve o nome mudado repentinamente. A produção “Moisés na Planície” passou a ser chamada de “Fogo na Planície”, de acordo com o anúncio do diretor no Festival Internacional de Cinema de Pequim.  Leia a matéria completa, aqui!

Acompanhe as notícias do CN - Conexão Notícia no Facebook

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.