Novo auxílio emergencial terá valores de R$ 175, R$ 250 e R$ 375; veja quem recebe quanto e previsão de início - Conexão Notícia

Header Ads


Novo auxílio emergencial terá valores de R$ 175, R$ 250 e R$ 375; veja quem recebe quanto e previsão de início

  Governo prepara medida provisória, que será editada assim que a PEC Emergencial for aprovada. —  Foto/Reprodução/Marcello Casal Jr./ABr.

Novo auxílio emergencial terá valores de R$ 175, R$ 250 e R$ 375; veja quem recebe quanto e previsão de início
Publicado no Conexão Notícia em 03.mar.2021.  

Brasil | O novo auxílio emergencial terá valores diferenciados, para grupos de beneficiários. Veja quem recebe cada valor, e quando deve começar o pagamento.

Novo auxílio emergencial terá valores de R$ 175, R$ 250 e R$ 375; veja quem recebe quanto e previsão de início.


O Governo Federal prepara a medida provisória que definirá o novo auxílio emergencial, assim que for aprovada Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 186/2019, a PEC Emergencial, que cria espaço para o benefício nas contas públicas.

A proposta deve ser votada, nesta quarta-feira (3), no Senado, e terá um processo de votação mais rápido, na Câmara dos Deputados, para possibilitar o início dos pagamentos do auxílio emergencial em 2021, ainda no mês de março.


Valores
O novo valor do auxílio emergencial, confirmado pelo presidente Jair Bolsonaro, será de R$ 250. No entanto, a Medida Provisória trará outros dois valores: R$ 175 e R$ 375.

Além do público do Bolsa Família, também serão beneficiados os inscritos no Cadastro Único e os trabalhadores informais. Foi apurado que as cotas previstas na MP, a ser publicada na próxima semana, serão diferenciadas.

Além dos valores de R$ 250 previstos para a maior parte dos beneficiados, haverá outras duas cotas: R$ 175 para pessoas sozinhas (unifamiliar) e R$ 375 para as mulheres chefes de família (monoparentais).

Com informações do SBT

Acompanhe as notícias do CN - Conexão Notícia no Facebook

Veja outras formas de doações, aqui!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.