Escola de PE rebate campanha LGBTQIA+ da Burger King: “Nossas crianças estão sob ataque” - Conexão Notícia

Header Ads


Escola de PE rebate campanha LGBTQIA+ da Burger King: “Nossas crianças estão sob ataque”

  Escola critica campanha da Burger King. —  Foto: Reprodução.

Escola de PE rebate campanha LGBTQIA+ da Burger King: “Nossas crianças estão sob ataque”
Publicado no Conexão Notícia em 19.julho.2021.  

Política | Nas redes sociais a escola rebate a campanha da rede de fast food, afirmando que as crianças “estão sendo atacadas” e que a peça publicitária é uma “seta inflamada do inimigo”.

A divulgação de uma propaganda da Burger King, em que usa crianças para “ensinar” aos adultos o que é a comunidade LGBTQIA+, recebeu críticas de uma escola particular localizada em Camaragibe, no Grande Recife.

Nas redes sociais a escola rebate a campanha da rede de fast food, afirmando que as crianças “estão sendo atacadas” e que a peça publicitária é uma “seta inflamada do inimigo”. A unidade de ensino pediu a atenção das famílias cristãs para “defender nossos filhos”.


“Este é apenas um dos muitos ataques que eles enfrentam todos os dias, sem antes estarem preparados. Nós, como pais, precisamos defender os nossos filhos e nos posicionar”, disse a escola em um trecho da publicação. 


Em nota, o governo afirmou que “repudia qualquer ato de violência, preconceito ou discriminação contra a população LGBTQIA+” e que “é importante a sociedade em geral, bem como a própria população LGBTQIA+, vítima de violação, denunciar qualquer ato violador dos seus direitos”.

A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco afirmou também que encaminhou esse caso ao Centro Estadual de Combate à Homofobia, ligado à Secretaria Executiva de Direitos Humanos, que analisará o conteúdo e adotara as providências cabíveis.

Líderes religiosos
Vários líderes religiosos convocaram os cristões a um boicote conta a rede de fast food Burger King, após causar polêmica nas redes por divulgação uma propaganda em que usa crianças para “ensinar” aos adultos o que é a comunidade LGBTQIA+. O mote da campanha é a pergunta: “Não sabe explicar o que é LGBTQIA+ para as crianças? Aprenda com eles”.

O deputado estadual pastor Cleiton Collins, criticou o comercial propagado pela Burger King, convocando um boicote contra a empesa.

“O cristão que vai ao Burger King está colaborando com práticas não cristãs”, afirmou o parlamentar.

Nas redes sociais a vereadora do Recife Missionara Michele Collins aderiu a campanha contra a marca e também diz aos cristões que não comprem na rede. Na legenda da publicação a parlamentar pede para que “entrem no canal do YouTube “burger king BR” e deem deslike no vídeo e denunciem”.


“Deixem as nossas crianças em paz! Criança tem que estudar, brincar, ser feliz e amada!”, escreveu Michele Collins.

Também nas redes sociais, a deputada estadual Clarissa Tércio (PSC) falou sobre a campanha publicitária da rede de fast food e escreveu: “Seja o que você quiser ser, mas não mexa com as nossas crianças”.

Repercussão nacional
O conteúdo apresentado pela empresa recebeu repúdio de grandes líderes religiosos do cenário cristão nacional, que afirmaram que deixarão de consumir seus produtos, entre eles o Pastor Silas Malafaia, o deputado federal pastor Marco Feliciano e o Doutor Alvaro Mendes, do Centro Dom Bosco.

A campanha da Burger King, que foi ao ar na quarta-feira, 23 de junho, e recebeu reações negativas nas redes e muitos internautas citavam versículos da Bíblia nos comentários. 
“Jesus deixou bem claro – Mateus 18:6 – Mas, qualquer que escandalizar um destes pequeninos, que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma mó de azenha, e se submergisse na profundeza do mar. Abram seus olhos!”, dizia um comentário com cerca de 4 mil curtidas. 

Em outros, um usuário criticava a rede por colocar crianças para falar sobre o tema da diversidade sexual. “Respeitar qualquer ser humano é uma obrigação, agora fazer isso com crianças é forçar a barra demais da conta, é lamentável! Deus tenha misericórdia dos nossos pequeninos!”, escreveu uma mulher.

Luiz Fernandes
Jornalista formado pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau),

Luiz Fernandes
Jornalista formado pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau).

CN - Conexão Notícia.


Confira os preços baixos de nossa loja, aqui!


McDonald’s passa a distribuir livro LGBT como brinde do McLanche Feliz

  Livro LGBT distribuído como brinde do McLanche Feliz. —  Foto: Reprodução.

A rede de fast food McDonald’s iniciou uma nova campanha do cardápio com o famoso McLanche Feliz, conhecido por distribuir brindes para as crianças.  A estratégia que está sendo utilizada pelo grupo, na Alemanha, é entregar juntamente com o lanche um livro infantil LGBTQIA+ sobre um menino e seu tutu cor de rosa.
  Partidos podem ter ainda mais recursos para financiamento de campanha. —  Foto: Reprodução/Ranking dos Políticos.

Texto da Lei de Diretrizes Orçamentárias prevê aumento dos recursos para o financiamento de campanha.

Partidos podem ter ainda mais recursos para financiamento de campanha.

Entre os dispositivos incluídos pelo relator do projeto, deputado federal Juscelino Filho (DEM-MA), está o aumento do fundo eleitoral. A proposta é passá-lo de cerca de R$ 2 bilhões para mais de R$ 5,7 bilhões.  Leia a matéria completa, aqui!


Bill Gates é acusado de crimes contra a humanidade (vídeo)

 Bill Gates foi denunciado no Parlamento de Roma, Itália—  Foto: Reprodução.

Dias depois de ter sido revelado, em um relatório de inteligência, que Bill Gates ofereceu suborno de US$ 10 milhões por um programa de vacinação forçada contra o coronavírus na Nigéria, agora uma parlamentar está exigindo sua prisão no parlamento italiano... Leia a matéria completa, aqui!

Acompanhe as notícias do CN - Conexão Notícia no Facebook

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.