Header Ads


McDonald’s passa a distribuir livro LGBT como brinde do McLanche Feliz

  Livro LGBT distribuído como brinde do McLanche Feliz. —  Foto: Reprodução.

McDonald’s passa a distribuir livro LGBT como brinde do McLanche Feliz
Publicado no Conexão Notícia em 19.julho.2021.  

Política | Nas redes sociais, a conta oficial do fast food afirma que o objetivo é promover uma cultura de “diversidade e aceitação”.

A rede de fast food McDonald’s iniciou uma nova campanha do cardápio com o famoso McLanche Feliz, conhecido por distribuir brindes para as crianças.  A estratégia que está sendo utilizada pelo grupo, na Alemanha, é entregar juntamente com o lanche um livro infantil LGBTQIA+ sobre um menino e seu tutu cor de rosa.

“Para que o seu McLanche Feliz não esfrie: Leve Raffi e seu Tutu Rosa como acompanhamento”, diz a campanha.


Com o título original Raffi und seine pinkes Tutu, o livro foi escrito pelo embaixador especial LGBT pelo Parlamento Europeu, Riccardo Simonetti. A narrativa conta a história de um garoto que gosta de jogar futebol, mas também de brincar com sua boneca favorita e seu tutu rosa. Quando o personagem decide usar o adereço não apenas em casa, mas também na escola, começa a sofrer ataques. A obra conta ainda com famílias de pais gays.

Nas redes sociais, a conta oficial do McDonald’s na Alemanha afirma que o objetivo é promover uma cultura de “diversidade e aceitação”.

Por que nosso McLanche Feliz usa um tutu? Porque pode! Defendemos uma cultura de diversidade e aceitação. Em frente e atrás do balcão, e não apenas no nosso menu. Além disso, existe agora o novo livro infantil de Riccardo Simonetti, em Happy Meal, no qual ele conta sua história”.

Alguns internautas estão criticando a iniciativa e expressaram seu descontentamento nos comentários da publicação.

“O McDonald’s devia se envergonhar! Abusar de um produto para crianças. A empresa sempre foi a melhor no ramo de hambúrgueres, mas, se agora atrair as crianças para essa bolha da diversidade, acabou”, diz um dos comentários.

Burger King
A rede de fast food Burger King recentemente voltou a causar polêmica nas redes após a divulgação de uma propaganda em que usa crianças para “ensinar” aos adultos o que é a comunidade LGBTQIA+.

O mote da campanha é a pergunta: “Não sabe explicar o que é LGBTQIA+ para as crianças? Aprenda com eles”.

Em seguida, a peça publicitária coloca crianças ao lado dos pais “explicando” a eles o que significa a sigla e o que elas acham sobre as pessoas que pertencem à esta comunidade.“É quando um menino gosta de um menino”, diz um garoto. Já uma menina afirma que a sigla significa que “todo mundo pode amar todo mundo”.


Uma outra criança fala sobre a família: “eu nunca tive uma madrasta, só quando a mamãe falou pra que ela namorava com ela [madrasta], aí que eu percebi que eu tinha uma madrasta”.

Entre os comentários, muitos internautas citavam versículos da Bíblia. – Jesus deixou bem claro – Mateus 18:6 – Mas, qualquer que escandalizar um destes pequeninos, que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma mó de azenha, e se submergisse na profundeza do mar. Abram seus olhos! – dizia um comentário com cerca de 4 mil curtidas.

Em outros, um usuário criticava a rede por colocar crianças para falar sobre o tema da diversidade sexual.– Respeitar qualquer ser humano é uma obrigação, agora fazer isso com crianças é forçar a barra demais da conta, é lamentável! Deus tenha misericórdia dos nossos pequeninos! – escreveu uma mulher.

Luiz Fernandes
Jornalista formado pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau).

CN - Conexão Notícia.


Confira os preços baixos de nossa loja, aqui!


  Partidos podem ter ainda mais recursos para financiamento de campanha. —  Foto: Reprodução/Ranking dos Políticos.

Texto da Lei de Diretrizes Orçamentárias prevê aumento dos recursos para o financiamento de campanha.

Partidos podem ter ainda mais recursos para financiamento de campanha.

Entre os dispositivos incluídos pelo relator do projeto, deputado federal Juscelino Filho (DEM-MA), está o aumento do fundo eleitoral. A proposta é passá-lo de cerca de R$ 2 bilhões para mais de R$ 5,7 bilhões.  Leia a matéria completa, aqui!

Um teste de pré-natal usado em todo o mundo está enviando dados genéticos de mulheres grávidas para uma empresa chinesa.

 A empresa desenvolveu o teste junto com o exército da China. Os EUA vêem um risco de segurança. —  Foto: Reprodução.

Um teste de pré-natal usado em todo o mundo está enviando dados genéticos de mulheres grávidas para uma empresa chinesa. A empresa desenvolveu o teste junto com o exército da China. Os EUA vêem um risco de segurança. Leia a matéria completa, aqui!



Bill Gates é acusado de crimes contra a humanidade (vídeo)

 Bill Gates foi denunciado no Parlamento de Roma, Itália—  Foto: Reprodução.

Dias depois de ter sido revelado, em um relatório de inteligência, que Bill Gates ofereceu suborno de US$ 10 milhões por um programa de vacinação forçada contra o coronavírus na Nigéria, agora uma parlamentar está exigindo sua prisão no parlamento italiano... Leia a matéria completa, aqui!

Acompanhe as notícias do CN - Conexão Notícia no Facebook

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.