Header Ads


Destruir para conquistar: qual o objetivo da estratégia de destruir a imagem da CONACS?

   Atual direção da CONACS - Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde. —  Foto: Reprodução.

Destruir para conquistar: qual o objetivo da estratégia de destruir a imagem da CONACS?
Publicado no Conexão Notícia em 19.julho.2021. 

Agentes de Saúde | Existe um ditado popular que diz: quem está de fora enxerga melhor. Você já ouviu isso? Pois bem, agora você entenderá o que estamos falando, aplicando essa máxima à guerra que está em andamento, visando destruir a CONACS - Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde.

Destruir para conquistar
Uma outra frase muito conhecida entre o sindicalismo é o "Dividir para conquistar" (“Divide et impera” ou “Divide et Vinces”) é um considerado um clássico nas estratégias de guerra para enfraquecer e subjugar os povos. O termo, embora já era conhecida na Antiguidade, foi cunhado por Júlio César em seu livro” De Bello Gallico” (Guerra das Gálias), que explicou como a vitória romana na guerra gaulesa era essencialmente uma política de “dividir” seus inimigos, aliar com tribos individuais durante suas disputas com adversários locais.

Mais recentemente, há o exemplo do império colonial britânico, dando apoio a algumas tribos e outros não poderiam encontrar uma guerra constante desunidos e, entre eles e capturar território poder. Na verdade, esta situação também sobreviveu a independência da Índia britânica, o que resultou em uma série de batalhas internas, fragmentando o que já foi o maior império da Índia britânica em 6 estados independentes (Índia, Paquistão, Nepal, Bangladesh, Butão e Sri Lanka).


E o que isso tem a ver com a CONACS?
Qual o título desta matéria? Destruir para conquistar: qual o objetivo da estratégia de destruir a imagem da CONACS? Então, preste bem atenção!

Nos últimos 5 meses os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias tem se deparado com verdadeiras guerras nas redes sociais. Isto pode ser verificado no Facebook ou WhatsApp. Mas, principalmente nessa última plataforma. O curioso é que essa guerras entre ACS e ACE começou depois da criação de uma certa entidade, que usa um jargão que fala UNIÃO. Mas, o que fazem é totalmente o contrário, a ''cada minuto'' criam uma nova confusão nos grupos e plataforma que administram, tentando destruir a imagem da presidente da CONACS, Ilda Angélica e dos demais diretores. 


Massa de manobra
Afinal, o que significa "Massa de Manobra," frase falada por tantas pessoas, inclusive, sem saber o significado? Massa de Manobra é uma expressão que remente a um conjunto de pessoas convencidas a defender uma ideia ou posição que desconhecem na completude, normalmente o fazem por posição social ou ideologia, sempre sem a própria análise e visão completa da situação.

É o que tentam fazer com os ACS/ACE de todo o Brasil: coloca-se várias pessoas para defender a mesma narrativa, tipo: Ilda Angélica é uma pessoa horrível, não aceita se unir a outras entidades por puro egoísmo, estrelismo etc. Então, a "patota" grava vídeos com várias lideranças afirmando a mesma narrativa, buscando destruir a imagem da pessoa que lideram a entidade concorrente, no caso, a CONACS. 

Para tomar o lugar da Confederação é necessário destrui-la. Mas, como fazer isso sem os ACS/ACE notarem que estão tentando fazer isso? É simples: elogiam a CONACS, falam de sua importância e criam narrativas contra a direção da entidade. Criando essa cortina de fumaça, a categoria acreditará que não estão atacando a Confederação, mas a má gerência dela. Tudo não passa de uma farsa para fazer da categoria uma MASSA DE MANOBRA com fins terríveis, ou seja, para tomar o seu lugar.


Verdade seja dita: Ilda Angélica é uma pessoa nada simpática, mesmo quando tenta ser. Isso, ninguém pode negar, contudo, tal coisa não é motivo para desgastar os ACS/ACE de todo o país, tentando iludi-lo para implantação de uma "nova CONACS," inclusive, sob o comando das mesmas lideranças, que a pouco tempo faziam parte da Confederação.

A história da CONACS
Nos 30 anos de existência do Programa Agentes Comunitários de Saúde e 23 de criação da CONACS, nenhuma outra entidade foi capaz de defender os interesses da categoria com resultados tão expressivos, afinal, a Constituição Federal foi mudada várias vezes. Milhares de ACS/ACE foram efetivados, mantendo os seus direitos garantidos. Se hoje existe várias leis capazes de garantir os direitos da categoria, qual a instituição foi responsável por tal proeza? Não foi a CONACS? Então, há algo mais terrível do que a ingratidão?

Ainda há muito por fazer, inclusive, corrigindo os erros provocados por diretores que fizeram e assessoria jurídica, que fez parte da CONACS, assim como os erros que estão sendo produzidos na atual gestão. Mas, não é tentando destruir a entidade que será possível resguardar os direitos dos ACS/ACE, pelo contrário, quanto mais a Confederação é ataca, mais a categoria é derrotada em sua luta nacional. Os prefeitos e demais políticos estão assistindo essa disputa pelo poder e identificam uma preciosa oportunidade para retirar os direitos já conquistados pela categoria, assim como negar os que estão previstos em leis, mas que não se tornaram uma realidade.

Destruir para Conquistar
Em toda a história dos ACS/ACE, nunca se presenciou a sistematização de tantos ataques contra a CONACS com o objetivo de destruir a instituição. Discursos de ódio, criação de narrativas embasadas em suposições falsas buscam iludir os ACS/ACE, na tentativa de fazer a categoria desacreditar na atuação da direção da Confederação. 

Leia também a matéria:

JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil e CN - Conexão Notícia.
Inscreva-se no canal do JASB no YouTubeWhatsAppTelegram ou Facebook.


Confira os preços baixos de nossa loja, aqui!



Nova polêmica entre as entidades: Quem é o pai da Emenda do Reajuste na LDO?

   Deputados Federais: Leonardo Ribeiro, Hildo Rocha e Oderico Monteiro—  Foto: Reprodução.

Nova Polêmica nas Redes sociais
Como se toda a dificuldade que a categoria passa fosse pouco, lideranças sindicais insistem em usar as Redes Sociais para fazer polêmica, trata-se da luta pela hegemonia, ou seja, para se impor como maioral. 
"Se existe uma entidade melhor, essa é a minha!" É como se estivessem lutando entre si com tal finalidade. Perguntamos: a categoria merece esse nível de baixaria nas redes sociais?



Te respondo: Como podemos fazer para que a prefeitura pague o Incentivo financeiro (14º)?  

  Valor do Incentivo Financeiro Adicional, que é a parcela extra de final de ano, será de R$ 1.550,00. —  Foto: Reprodução.

Ao longo de mais de 10 anos usamos as Mídias Sociais para informar aos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias sobre o direito ao pagamento do Incentivo Financeiro Adicional, conhecido como 14º salário ou parcela extra de final de ano. É graças a esse trabalho que esse Incentivo que deve ser pago em dinheiro, ficou popularizado entre os agentes. A categoria tem se organizado e garantido. 



Moto: Agentes comunitários de saúde recebem Motocicletas para atender a população

  A prefeitura adquiriu e entregou aos agentes de saúde 20 novas motocicletas. —  Foto: Reprodução.

Motocicletas adquiridas para as equipes das Unidades Básicas de Saúde já estão atendendo a população.

Conforme amplamente divulgado pelas mídias sociais e órgãos de imprensa a Prefeitura adquiriu e entregou motocicletas novas para serem utilizadas nos serviços de atenção básica das unidades de saúde que compõe a rede municipal. Leia a matéria completa, aqui.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.