Header Ads


Globo é processada por mais de 17 mil ex-funcionários e teme dor de cabeça bilionária

      Paulo Marinho com uma camisa branca e um sorriso, olhando para a câmera.   —  Foto/Reprodução.
 
Globo é processada por mais de 17 mil ex-funcionários e teme dor de cabeça bilionária
Publicado no Conexão Notícia em 08.dezembro.2021.  

Brasil | Por causa do Uma Só Globo, que reuniu todas as empresas do grupo, a emissora viu o número de disputas judiciais trabalhistas explodirem. São 17.201 mil processos, somando os da Justiça do Trabalho com os da esfera cível. Desde 2017, quando o projeto de unificação começou, foram mais de 4 mil novas ações protocoladas por ex-funcionários.
-
-
O volume de petições no período é acima do normal. A Globo pode ter um grande problema para resolver nos próximos dois anos, quando a maioria destes casos devem ser julgados. A emissora informa que monitora de perto o que poderá acontecer.

O levantamento foi feito pelo Notícias da TV nos últimos 45 dias. A grande maioria dos processos foi movida por ex-profissionais de diversas áreas que foram demitidos. O pedido mais frequente nas ações é para comprovação de vínculo empregatício por quem era contratado como PJ (pessoa jurídica).

Neste modelo, o acordo de prestação de serviços estabelecido é entre uma empresa e uma pessoa que tem um CNPJ, ou seja, que também é uma empresa. Isso quer dizer que, na prática, a relação comercial está sendo realizada entre dois negócios, ainda que o prestador de serviço seja uma única pessoa, como acontece nestes casos. 


O contratado costuma ganhar mais dinheiro e pagar menos impostos, mas não tem benefícios trabalhistas.

Muitos processos também alegam acúmulo de funções, principalmente no Jornalismo. Um PJ contratado para ser repórter e editor, por exemplo, alegava trabalhar ainda como produtor sem ganhar a mais pela nova função.
-
-
O valor dos pedidos e de condenações que a Globo já sofreu variam bastante, de R$ 30 mil a R$ 2,9 milhões. A sentença depende de cada situação. Muitos processos ainda serão avaliados, o que pode criar um problema bilionário para a emissora resolver no médio prazo.

Globo tomou medidas contra processos
Até 2018, o modelo de contratação como PJ era bastante comum na Globo. Depois disso, para cumprir legislações trabalhistas, a emissora passou a assinar a carteira de quase todos os seus funcionários. Até mesmo grandes nomes como William Bonner passaram a atuar no regime CLT. São poucas as exceções. Uma delas é o narrador Galvão Bueno.

O advogado trabalhista Juliano Santana confirma à reportagem que a Globo pode ter problemas: "A quantidade de processos impressiona até mesmo para uma empresa do tamanho da Globo. A depender do número de condenações, a empresa precisa se preparar e equalizar gastos para cumprir os seus compromissos".


Procurada pela coluna para se posicionar sobre seus problemas na Justiça do Trabalho, a emissora enviou a seguinte nota após a publicação: 

"A matéria embaralha ações trabalhistas e cíveis de várias naturezas e chega a um número que nem de longe corresponde à realidade - o número real é muito inferior. 
-
-
Assim como qualquer grande empresa, a Globo tem ações judiciais em curso. Não comentamos detalhes sobre processos judiciais, mas podemos garantir que nosso o volume de ações é compatível com o tamanho da empresa e que o acompanhamento das contingências é feito seguindo as melhores práticas do mercado".

Vale ressaltar que o levantamento incluiu casos de todas as empresas do Grupo Globo e não somente a rede de TV aberta. A Globo é dona de diversos negócios, como programadora de TV paga, jornais, revistas, rádios, empresas de investimentos, entre outras.

POR GABRIEL VAQUER 
CN - Conexão Notícia 

O jornalismo do Conexão Notícia precisa de você para continuar marcando ponto na vida das pessoas. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de qualquer valor, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado! Veja como doar aqui!

VEJA TAMBÉM:
-
-
TV Globo registra perda de quase 2 milhões de telespectadores

     Renata Vasconcellos na bancada do Jornal Nacional.  —  Foto: Reprodução/TV Globo.

Dados são do Painel Nacional de Televisão. 

O mês de setembro apresentou um saldo negativo para a TV Globo. De acordo com os dados consolidados do Painel Nacional de Televisão, a emissora carioca registrou média de 10,94 pontos no acumulado das 24 horas dos últimos 30 dias. Com isso, a audiência de setembro foi a pior do ano para a emissora.  Veja a matéria completa, aqui!

Homem desperta do coma após 22 anos, se revolta com os rumos da sociedade e quer processar médicos

      Um homem de 42 anos, que entrou em coma em 1999, no dia em que completou 20 anos de idade, acordou e ficou em choque.   —  Foto/Reprodução.
 
Um homem de 42 anos, cuja identidade não foi revelada, entrou em coma em 1999, no dia em que completou 20 anos de idade. Morador da cidade de São Paulo, ele estava se dirigindo para sua festa de aniversário com mais quatro amigos em um Chevrolet Astra. Todos sobreviveram ao acidente, porém, o aniversariante, que estava no banco do passageiro, entrou em coma. Veja a matéria completa, aqui!

Conteúdo relacionado:

Tecnologia do Blogger.