Redes Sociais

Header Ads

4 mil Agentes comunitários e de combate às endemias lutam para garantir o Piso Nacional na capital de Minas Gerais

Em Belo Horizonte 4 mil agentes comunitários e de endemias não recebem o Piso Nacional da categoria. —  Foto/Reprodução.

Agentes comunitários de Saúde lutam para garantir o Piso Nacional na capital de Minas Gerais
Publicado no Conexão Notícia em 17.dez.2020.  

Agentes de Saúde Assim como ocorre com mais de 222 mil agentes comunitários de saúde e agentes de combate as endemias nos mais diversos municípios brasileiros, que lutam por pela garantia de direitos fundamentais, os agente comunitários da capital de Minas Gerais também sofre para garantir os seus direitos. Em Belo Horizonte a categoria, que é composta por 4 mil agentes, não recebe o Piso Salarial Nacional. Uma situação lamentável que revela o drama envolvendo a situação precária da categoria em todo Brasil.

Confira o vídeo da Audiência Pública em defesa do Piso Nacional dos ACS em Belo Horizonte:


Participaram dessa dessa articulação em defesa da categoria

ISRAEL ARIMAR DE MOURA (Pres. Sind.Serv. Públicos Munipais/BH), ACS LUCIMARA RODRIGUES FONSECA (Sind.Serv. Públicos Munipais/BH) e a Autora do Requerimento da Audiência deputada BEATRIZ CERQUEIRA.

Situação ainda mais grave
Quem são os Agentes de Saúde (ACS/ACE) que recebem menos de um salário mínimo como base? Analise a situação da categoria na capital da Bahia, acesse aqui!

Piso congelado por 7 anos com apenas 1 reajuste
O Congresso Nacional deu um golpe nos ACS/ACE do Brasil ao aprovar um Piso Nacional sem previsão de reajuste. Na ocasião, Samuel Camêlo, coordenador geral da rede de voluntários da MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde. Por meio do JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil, alertou sobre os prejuízos que a categoria de ACS/ACE teria ao criar uma lei incapaz de garantir o direito para todos. Houve a produção de um vídeo publicado no Canal do Jornal, contudo, a Lei 12.994/2014 destruiu o sonho de um salário melhor de muitos agentes.

O verdadeiro Piso Salarial Nacional dos ACS/ACE nunca foi aprovado, mesmo com a categoria tendo investido milhões de reais, pagos em passagens para Brasília e demais despesas, conforme já foi publicado em matéria anterior do JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil. As mobilizações rumo ao Distrito Federal ajudou a fortalecer a candidatura de muitos políticos, contudo, eles não financiaram a milionária despesa da categoria e nunca aprovaram o verdadeiro Piso Nacional, previsto pelo PL 7495/2006. Saiba mais detalhes sobre essas informações.

MINAS GERAIS
Tribunal do Trabalho: Agente de saúde em grupo de risco da Covid será afastado imediatamente após apresentar atestado.

O TRT (Tribunal Regional do Trabalho) de Minas Gerais negou recurso da Prefeitura de Belo Horizonte e manteve uma liminar que determinou o afastamento imediato do trabalho de agentes de saúde e agente de combate a endemias do grupo de risco para covid-19 e mulheres lactantes. Leia a matéria completa, aqui!

Cirurgião plástico chama agente comunitária de saúde de "puta" e "vagabunda" e avança com o carro sobre ela em Minas Gerais. Leia a matéria completa, aqui!




Conteúdo relacionado:


Postar um comentário

0 Comentários