BRASÍLIA: FENASCE retomam articulações em defesa do reajuste do piso e da aposentadoria especial - Conexão Notícia

Header Ads


BRASÍLIA: FENASCE retomam articulações em defesa do reajuste do piso e da aposentadoria especial

  Lideranças retornam à Capital Federal visando garantir o Reajuste do Piso Nacional dos Agentes de Saúde e Aposentadoria Especial.   —  Foto: Reprodução.

BRASÍLIA: FENASCE retomam articulações em defesa do reajuste do piso e da aposentadoria especial
Publicado no Conexão Notícia em 06.agosto.2021. 

Agentes de Saúde | Lideranças retornam à Capital Federal após o recesso parlamentar. O SINDACS-AL foi representado pelo presidente Nelson Cordeiro e pelo diretor Fernando Cândido, que também representa Alagoas na diretoria da FENASCE, e pela diretora Adeilda Maria.


Com o fim do recesso parlamentar, a FENASCE desembarcou em Brasília na terça-feira (03) para retomar a agenda de articulações em defesa dos agentes comunitários de saúde e de combate às endemias de todo o país. O reajuste salarial e a aposentadoria especial da categoria são algumas das pautas prioritárias da viagem.

Entre as lideranças que estão unindo forças na Capital Federal, o SINDACS-AL marca presença representado pelo presidente Nelson Cordeiro, pelo diretor Fernando Cândido, que também representa Alagoas na diretoria da FENASCE e já vem acompanhando de perto todas as negociações com parlamentares, e pela diretora Adeilda Maria.


Durante a manhã, as lideranças se reuniram com o Deputado Federal pela Bahia, Antônio Brito, que é líder do PSD na Câmara Federal. O parlamentar reafirmou o seu compromisso em defesa da PEC 22/2011, que tem como base o reajuste salarial da categoria. Ele se comprometeu a conversar ainda nesta terça-feira com o presidente da casa, o deputado federal Arthur Lira.

“Na Câmara dos Deputados, os líderes de partidos negociam com a presidência quais projetos devem ir à votação em plenário. Por essa razão, é imperiosa a articulação dos representantes dos agentes de saúde junto aos líderes partidários, para que a PEC 22 seja pautada na ordem do dia o mais breve possível”, afirmou Fernando Cândido.


Os representantes dos ACS e ACE estiveram, ainda, na liderança do Governo, o Deputado Ricardo Barros, para reivindicar uma posição do Presidente da República, Jair Bolsonaro, a respeito do reajuste do piso e da aposentadoria especial. De acordo com Fernando Cândido, o Deputado Ricardo Barros é porta-voz do presidente e possui um papel fundamental nesse processo de negociações. 

“É importante saber por meio dele como Bolsonaro enxerga as reivindicações da categoria”, explicou.

O líder do Governo estava em reunião no Planalto, por isso as lideranças foram recebidas pelo seu assessor, Sr. Fabiano, que informou que foram enviados documentos para o Ministério da Saúde, da Economia, Casa Civil dentre outros, mas não obteve resposta. No entanto, ele ficou responsável por dar o devido encaminhamento.

A FENASCE permanecerá em Brasília até a próxima quinta-feira, dia 05 de agosto, articulando com os parlamentares e captando apoio para que as demandas da categoria sejam priorizadas. O SINDACS-AL continuará acompanhando as reivindicações, reafirmando o seu compromisso com todos os agentes comunitários de saúde e de combate às endemias.

LEIA TAMBÉM:

CN - Conexão Notícia  e JASB - Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil com informações do SINDACS-AL.

O jornalismo do Conexão Notícia precisa de você para continuar marcando ponto na vida das pessoas. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado! Veja como doar aqui!

Inscreva-se no canal do JASB no YouTubeWhatsAppTelegram ou Facebook.


Confira os preços baixos de nossa loja, aqui!


Indenização gorda: ACS e ACE ganham ação na justiça e cada um será indenizado com valores de quase R$ 6.000,00 referente ao retroativo do Piso Nacional

  Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combates às Endemias foram beneficiados por ação judicial movida pelo Sindsaúde-GO. —  Foto: Reprodução.

Após ação judicial movida pelo Sindsaúde-GO, Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e de Combate a Endemias (ACE) do Município de Morrinhos serão indenizados com valores referentes ao retroativo do piso nacional da categoria.

Te Respondo: Por que algumas prefeituras pagam o Incentivo Adicional (14º) e outras não? 

   Nenhuma das muitas cidades, que garantem o Incentivo Financeiro Adicional aos Agentes Comunitários e de combate às endemias, pagam porque o prefeito é bom, mas, porque a norma estabelece tal pagamento.  —  Foto: Reprodução.

No te Respondo de hoje, trataremos da questão que representa o maior desvio de recurso público público, destinado aos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias do país, que ocorre todo final de ano. 

Valor a ser paga nesse ano - Nesse ano o valor a ser repassado a cada ACS/ACE do país, conforme regras estabelecidas pelo Ministério da Saúde, será de R$ 1.550,00 (mil quinhentos e cinquenta reais)... Veja a matéria e o vídeo completo, aqui!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.