Redes Sociais

Header Ads

São Paulo: agentes de endemias intensificam trabalho de prevenção contra a dengue

Agente de Combate às Endemias em ação (ilustração)—  Foto/Reprodução.

São Paulo: agentes de endemias intensificam trabalho de prevenção contra a dengue 
Publicado no Conexão Notícia em 17.nov.2020.  

Agentes de Saúde  | Ações incluem visitas periódicas em imóveis especiais por parte dos agentes de endemias da Secretaria de Saúde do município de Aparecida.

O resultado da Análise de Densidade Larvária (ADL) realizada pela Prefeitura de Aparecida no último mês de outubro indica uma situação alarmante para a cidade nos próximos meses.

Os 3,4 pontos registrados no IB (Índice Breteau) representam o iminente risco de uma epidemia de dengue no início de 2020 em Aparecida. Para se ter uma ideia do impacto destes números, O índice normal ou de tranquilidade deve ser entre 0 e 1. Qualquer valor acima do nível de 1,5 indica risco de epidemia.

Combate ao Aedes aegypti

Diante deste cenário, a Secretaria de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, tem intensificado o trabalho para combater a disseminação da dengue no município.

Agentes de endemias passaram a realizar visitas periódicas a imóveis especiais (locais não residenciais de grande circulação de pessoas, como escolas, igrejas e prédios públicos), com o objetivo de controlar a proliferação do mosquito Aedes aegypti nestes locais, reduzindo o risco de transmissão e disseminação dos vírus.


A classificação de risco dos pontos permite também priorizar o número de vistorias ao longo do ano.

• Alto risco (a partir de 129 pontos) – vistoria mensal

• Médio risco (de 90 a 129 pontos) - vistoria mensal

• Baixo risco (de 55 a 89 pontos) – vistoria a cada dois meses

• Não classificado como IE – imóveis especiais: até 54 pontos.

Até o momento, já receberam as visitas as escolas: MAE, Paulina Cardoso, Marieta Braga, Via Solis, José Geraldo Lemes Valladão, Edgar de Souza, Aureliano Paixão, Casa do Pequeno, Chagas Pereira, Murillo do Amaral, Comendador Salgado, além do EPEC (Espaço Poliesportivo Cultural).

A Secretaria de Saúde reforça o pedido para que a população mantenha seus quintais e residências sempre limpos, permita a entrada dos agentes de endemias durante as visitas e denuncie possíveis imóveis especiais que não estejam recebendo os devidos cuidados de limpeza e medidas de prevenção contra a dengue.

Os munícipes podem entrar em contato com a Vigilância Epidemiológica pelo telefone: (12) 3105-4236.

Fonte: Assessoria de Comunicação e Imprensa do município de Aparecida (SP).

Conteúdo relacionado:


Postar um comentário

0 Comentários